O Centro de Formação e Investigação em Turismo da Universidade da Madeira (CFIT-UMa) pretende promover a publicação de artigos em revistas científicas internacionais com arbitragem e a realização de estudos de caso, que poderão ser utilizados nos cursos de pós-graduação e MBA, mestrado e formação executiva. Pretende, ainda, uma melhoria da qualidade metodológica, através da contratação de investigadores, da melhoria de infraestruturas de investigação, da criação de emprego altamente qualificado e do estabelecimento de parcerias com instituições internacionais líderes em investigação em turismo, como a Universidade de La Laguna (Institute of Social and Political Science and Tourism), Aberyswyth University (Centre for Local and Regional Enterprise) e a Oxford Brookes University, que serão elementos essenciais para transmissão de conhecimento nos Projetos de I&D abaixo elencados.
Decorrente destas ações o CFIT-UMa poderá apresentar candidaturas a projetos de investigação e desenvolvimento a programas de financiamento no âmbito do Horizonte 2020 ou de programas específicos como o PROCiência 2020.
A operação transversal desenvolve-se em torno de três grandes áreas, designadas por Projetos de I&D:

1) Projeto “Destino”
O turismo envolve a movimentação de pessoas, dos locais de origem para os locais de destino, por conseguinte não poderá ser descurada a importância que os diversos transportes detêm no desenvolvimento da atividade. Isto torna-se ainda mais evidente para as regiões insulares, dependentes essencialmente do transporte aéreo para garantir a sua acessibilidade. O Projeto “Destino” está focado na investigação dos fatores de atração, nas vantagens competitivas do destino, no potencial e na avaliação da rede de acessibilidades e mobilidade turística da Região.

2) Projeto “Market”
Os destinos maduros desenvolvem esforços maciços de redefinição da imagem, de forma a potenciar a renovação dos clientes, com base em novos segmentos/nichos e a fidelização da base de clientes atuais. Malgrado a perceção de que existem múltiplos focos de interesse (ex. turismo náutico, de natureza, cultural) falta informação precisa sobre o potencial de mercado destes nichos. O Projeto “Market” está focado na caracterização do mercado turístico na região, com incidência no estudo da concorrência, no potencial das áreas diferenciadoras deste mercado e na análise dos comportamentos dos potenciais e atuais clientes.

3) Projeto “Impacto”
O desenvolvimento da investigação científica integrará, além das questões científicas, questões sociais e económicas que irão servir a indústria. O Projeto “Impacto” está focado no apuramento do impacto macroeconómico do sector do turismo na economia e na criação de indicadores determinantes para apoio à tomada de decisão dos intervenientes no sector do turismo. Com incidência na otimização das atividades de promoção turística e na criação de soluções inovadores para aplicação no sector do turismo.